Dezenas de famílias de Itupiranga terão endereços novos em 2020.

Muita gente chegou cedo ao prédio da Câmara Municipal de Itupiranga na manhã desta sexta-feira (25).

Quarta, 30 de outubro de 2019

Sem imagem

  Muita gente chegou cedo ao prédio da Câmara Municipal de Itupiranga na manhã desta sexta-feira, 25. Foram pessoas ansiosas por saber onde será o seu novo endereço, no sorteio dos endereços das novas unidades habitacionais, do Residencial Jardim Primavera, construído no Bairro Novo Planalto, pelo programa “Minha Casa Minha Vida Entidades”, do Governo Federal. São 150 casas que serão entregues em breve para as famílias cadastradas no início do projeto, que já aguardam há anos para usufruir das moradias dignas. O evento contou com a participação do prefeito José Milesi, a secretária de Gabinete, Olga Letícia Barbosa, além dos vereadores Silvio Costa, Wagno Godoy, Izaías Parreira, Kairon Paiano e representantes da empresa responsável pela conclusão das obras.
    O residencial está em fase de acabamento. Há famílias cadastradas que não puderam participar desse sorteio. Algumas porque estão com renda superior a estabelecida, outras que já foram beneficiadas em outras cidades. Só conseguiu participar do sorteio as famílias que ainda se enquadram nas regras do programa, como ter renda menor que R$ 1.800,00 mensal, não possuir casa e nem ser detentor de financiamentos habitacionais em qualquer modalidade.
    O nome dos beneficiários ou cônjuge, também, não pode está inscrito no CADIN (Cadastro Informativo de Créditos não Quitados do Setor Público Federal), para esse tipo de caso os mutuários tem um prazo pra se regularizar.
    “Quem nos ajudou a viabilizar esse empreendimento foi o prefeito (José Milesi). Esse é um momento de agradecimento, para que as pessoas saibam quem nos ajudou. Quero agradecer a equipe dele, que tem se empenhado, que nos ajudou e que vai viabilizar a entrega desse empreendimento. E por isso eu peço uma salva de palmas para o prefeito. Agora, agente tem um desafio: as casas, diferenciadas das demais dessa região, estão prontas, a rede da água, a caixa d’água, também. Então, já temos água, torneiras, já temos os meios-fios, no próximo mês começaremos a colocar o asfalto e está tudo encaminhado. A única situação, hoje, que a gente não tem controle, que não depende de nós, é a questão da Celpa, que nós estamos lutando, cobrando”, informa Maximiliano Ribeiro, coordenador de Projetos no empreendimento.
    “Sozinho a gente não consegue nada, mas todos juntos podemos realizar os sonhos. Vocês estão sendo beneficiados, dessa vez, pela determinação, pela precisão, pela garra dessa empresa. Tudo o que podermos fazer nós vamos fazer para solucionar esse e o Cidade Nova”, disse Milesi.
    JARDIM PRIMAVERA
    O empreendimento “Jardim Primavera”, localizado no Município de Itupiranga, no Bairro Planalto, é do Programa Minha Casa Minha Vida, na modalidade Entidades, que teve efetuada a seleção dos beneficiados entre 2013 e 2014, iniciando as obras em 2015. Essas obras foram paralisadas cerca de um ano e meio depois. Diversos fatores contribuíram para essa paralização, como problemas na obra junto a entidade, a Associação Alfa de Interesse Social-AISA, associação da Cidade de Luziania-GO, e a construtora da época. Após um ano e oito meses, a Caixa Econômica Federal retomou essas obras, com a substituição da entidade e da construtora que iniciaram as obras.
    Com essas substituições, a responsabilidade de execução e administração das obras ficou por conta dos próprios beneficiários, por meio de duas comissões eleita por eles: a Comissão de Acompanhamento de Obra-CAO e a Comissão de Representantes do Empreendimento-CRE, que representa o empreendimento.
    A CAO e CRE pediram apoio ao prefeito José Milesi, que cedeu um engenheiro civil, contratado pela prefeitura, para o acompanhamento da obra, visando o atendimento do projeto aprovado e o bom andamento da obra, garantindo assim a qualidade dos serviços e materiais utilizados.
    Durante as obras a prefeitura, na medida do possível, efetua serviços com equipamentos e máquinas para ajudar na execução da infraestrutura do empreendimento, uma vez que, como a obra foi abandonada, houve muita depredação nas casas, ocasionando uma ‘involução’. Tendo em vista que não houve aporte financeiro para cobrir esses prejuízos por parte do Governo Federal, a prefeitura vem ajudando, junto com os beneficiários, que também contrataram uma construtora para executar os servidos do projeto. Esse processo, ainda, está sendo finalizado.
    A construtora, junto com o engenheiro cedido pela prefeitura, por meio da administração da CAO e da CRE, estão concluindo as obras.
    É preciso deixar bem claro que, por conta do tempo, algumas pessoas não se enquadram mais nas regras do programa, portanto foram convocadas pessoas que estavam no Cadastro Reserva e que ainda se encontravam aptas a participar dentro das regras.
    O município, por meio do Prefeito José Milesi, com o apoio da Câmara Municipal de vereadores, vem buscando soluções junto ao Banco do Brasil para retomada das obras de 424 unidades habitacionais do empreendimento Cidade Nova, que estão paralisadas há algum tempo. O prefeito está preocupado com o déficit habitacional do município e com as necessidades das famílias que estão cadastradas, por isso algumas ações estão sendo tomadas no sentido de resolver os problemas, porque essas moradias representam dignidade para cada família que recebe uma dessas unidades.
    ---
    Saiba mais: Clique aqui
    Prefeitura Municipal de Itupiranga, Gestão Respeito, Diálogo e Trabalho!


Direitos de conteúdo reservados Prefeitura Municipal de Itupiranga
Alfa Tecnologia e Gestão

Ícones feitos por Freepik de www.flaticon.com e licenicado por CC 3.0 BY